Patrocinado
Se-prepare-antes-de-cada-sessão-de-Dungeons-and-Dragons

Aventuras de Dungeons and Dragons

Prepare-se antes de cada sessão de Dungeons and Dragons

A princípio, se você já leu algum material ou assistiu algum video sobre como jogar Dungeons and Dragons, ouviu falar ou leu que basta uma boa imaginação, lápis e papel que a diversão está garantida. Decerto o argumento anterior está quase certo, pois um bom mestre deve se preparar antes de cada sessão de Dungeons and Dragons. O trabalho dos jogadores é algo simples, basta comprometimento, dados e uma boa imaginação.

Patrocinado

Contudo, os jogadores esperam que os mestres tenham tudo preparado nos mínimos detalhes, fichas de criaturas, regras anotadas e de fácil acesso, mapas de combates prontos e acima de tudo uma boa criatividade. Todavia, se você já foi um mestre de Dungeons and Dragons sabe que possuir o controle de tudo é algo impossível. Ainda mais com jogadores imprevisíveis. O objetivo desse post é ajudar mestres iniciantes, com dicas que talvez facilitem o trabalho de conduzir uma aventura de Dungeons and Dragons.

Listas de nomes aleatórios

Os costumam ter quase tudo pronto, nomes de NPCs principais, secundários e por ai vai. Contudo, jogadores impulsivos e imprevisíveis tendem a trocar diálogos com qualquer um que passe perto deles. E a primeira pergunta dos jogadores é, qual o seu nome. Esse é um momento que você pode inventar um nome aleatório eu simplesmente ter isso pronto.

Leia também: Ex-produtor da Marvel entra para o projeto do filme de Dungeons and Dragons

Patrocinado

Atualmente existem diversos geradores de nomes aleatórios na internet, sendo possível escolher a localidade dos nomes e até o idioma. Talvez ter uma lista dessa impressa é algo que vai te ajudar em momentos imprevisíveis como esses. Essa lista pode ter até nomes de locais e regiões, afim de facilitar ainda mais o seu trabalho de mestre.

Fichas de criaturas preparadas

O Mestre provavelmente sabe quais inimigos os jogadores enfrentarão durante uma aventura, desde que não saiam totalmente dos trilhos. Como tal, eles geralmente terão todas as estatísticas escritas previamente, mas isso ajuda a preparar as fichas de batalha. Isso implica escrever todos os nomes dos inimigos, modificadores de iniciativa, classes de armadura e testes de resistência em uma única folha à qual o Mestre possa se referir rapidamente durante o turno do jogador.

Leia também: Como apresentar seu BOSS em Dungeons and Dragons

Outro ponto que pode facilitar ainda mais os combates é ter uma planilha no Excel pronta. Algo básico com fórmulas que calculem a CA, CD, HP, pontos de vida retirados, pontos de vida acrescentados, enfim o que julgar necessário no seu controle. Caso não tenha um domínio no excel, pode utilizar o Roll20 apenas para controlar seus combates.

Mapas genéricos de campos de batalhas

Sabendo que seus jogadores são impulsivos e imprevisíveis, você pode apostar que em qualquer local pode acontecer um combate. Sendo assim, nada melhor que ter mapas de locais aleatórios prontos. Na internet existem diversos grids prontos, com locais que geralmente estão presentes em uma aventura de Dungeons and Dragons. Decerto sempre acontecera uma briga dentro da taverna, estalagem, abrigo, castelo, portões, enfim, nada pode prever as ações dos jogadores.

Fichas de NPCs secundários

Da mesma forma que os jogadores podem querer batalhar em locais imprevisíveis, também podem querer batalhar com NPCs aleatórios. Todos os jogadores em algum momento já tiveram uma troca de farpas ou até mesmo o início de um combate com um taverneiro. Então tenha preparado fichas de civis, soldados e até mesmo algum lorde caso queira incrementar algo.

Leia também: Entregue aos jogadores o que eles querem em Dungeons and Dragons

Enfim, sabemos que as dicas citadas acima são apenas a ponta de um iceberg, deixe nos comentários alguma dica que possa ajudar mestres iniciantes em Dungeons and Dragons. Se gostou, não deixe de curtir e compartilhar essa matéria.

Patrocinado