Patrocinado

Norman Reedus comenta e se Marle Dixon estivesse vivo

Norman Reedus comenta sobre seu personagem de The Walking Dead, era para ter se tornado um clone da personalidade de seu irmão Merle Dixon (Michael Rooker ) se o personagem não tivesse morrido. Merle já foi responsável pela separação do grupo, quando o grupo sobrevivente de Rick Grimes ( Andrew Lincoln ) não aceitou a volta do integrante a prisão, devido suas ações cometidas no passado, principalmente quase realizando a morte do personagem Glenn (Steven Yeun) em uma entrevista para ACE Comic Con Midwest, o ator comentou sobre isso.

Patrocinado

Leia Também: Norman Reedus diz que a 10ª Temporada será paranoica e claustrofóbica

Ele teria sido apenas um buraco, eu acho. Quero dizer, o negócio todo era Merle e eu, estávamos naquele acampamento para roubá-los. É por isso que estávamos jogando junto. Eles originalmente me deram roteiros em que eu estava usando drogas e estava dizendo todas essas coisas racistas e como Mini Merle.

Eu reuni todos os escritores e fiquei tipo, ‘eu não quero ser esse cara. Eu quero ser o cara que cresceu com isso e tem vergonha disso. E o que aconteceu foi que, quando Merle deixou o show, me permitiu dar um passo em frente e ser o homem que eu não seria se isso não tivesse acontecido. Então, de uma maneira estranha, o apocalipse zumbi meio que fez Daryl parecer um cara de verdade.

 

Todos os fãs da série deve concordar, que após a morte de Marle, o personagem Daryl Dixon, ganhou mais destaque, o personagem já tinha um bom desenvolvimento, mas após o ocorrido ele finalmente amadureceu e deixou o passado para trás.

Patrocinado
Patrocinado