Patrocinado
Apocalipse

Apocalipse

Vencendo o Apocalipse: Como sobreviver ao grande apagão

Muitas vezes quando se fala de apocalipse a maioria das pessoas imagina um meteoro atingindo à terra, tsunamis, terremotos ou até mesmo algo biológico, porém, um apocalipse se baseia quando a sociedade entra em colapso, muitas vezes por culpa do governo ou alguma calamidade que ninguém poderia prever. Já se tocou que para tudo precisamos de energia elétrica? Carregar seu celular, tomar banho de água.

Patrocinado

Leia também: Como Gandalf pode aparecer em O Senhor dos Anéis da Amazon

Se prepare para o pior

Sem energia elétrica a sociedade beira ao colapso, e a civilização tende a se comportar de forma prepotente, a taxa de criminalidade iria aumentar em pelo menos 20% e os preços alimentícios iriam decolar, afinal de contas, não é toda fazenda com placa de energia solar. Contudo, você não pode se desesperar e agir com racionalidade.

Abrigo

As casas no Brasil são preparadas para a criminalidade, porém, com o aumento de furtos e saques em lojas a polícia pode ficar sobrecarregada e o atendimento pode demorar mais que o costume. Então não vacile com seu portão automático, dê a volta no seu quarteirão com o carro e veja se não tem nenhum carro ou suspeito da rua, essa regra vale para qualquer situação. Não esqueça de trancar as portas e janelas enquanto tem luz do dia.

Patrocinado

Aproveite a luz do dia

O dia será seu novo amigo, tudo que precisar realizar, faça enquanto ter luz natural. Sair a noite é extremamente perigoso, principalmente se a situação estiver por muito tempo. Compreendo que a nossa realidade difere, acordamos cedo e voltamos tarde para casa, o indicado é não sair sozinho ou pelo menos ter alguém para te acompanhar no ponto de ônibus.

Tente manter sua sanidade mental, por mais que possa ser tempos sombrios nunca podemos pular do abismo.

Medicas do governo

Por mais que possa transparecer que nosso governo é desleixado, as autoridades iriam correr atrás desse novo tempo. Com certeza teria toque de recolher e os trabalhadores não poderiam ficar nas ruas após às 20 horas da noite. Assim evitando calamidades maiores. Mercados teriam um limite de pessoas por vez, e o estabelecimento teria guarda particular, assim evitando furtos.

Televisões e celulares iriam ser jogadores de lado, afinal de contas, não teria fonte de alimentação. Com a volta dos rádios as pilhas iriam quadruplicar seu valor, e quem não ter acesso a um iria pagar bem caro por um. Mídias grandes iriam se sustentar por eles, e a energia solar iria ser o novo mercado lucrativo.

Comida

Somos uma sociedade que gosta de consumir o alimento fresco, sempre priorizamos a refrigeração dos mantimentos, proteínas, carboidratos, frutas e verduras. Para tudo precisamos de refrigeração, assim estendemos a validade e o frescor de tais alimentos. Existe um preparo com o bife que prolonga a duração dele até três anos sem depender de refrigeração, chamado carne beef jerky, aconselho aprender quanto antes.

Para maioria dos alimentos existe uma forma de preservação, arroz e feijão, por exemplo, a base da comida brasileira, sabia que é possível preservar por 10 anos? Não deixe para buscar conhecimento quando a fome já estiver batendo em sua porta. Você pode realizar esse processo para qualquer situação e conhecimento sempre é bem-vindo.

Não se desespere

Por mais que a situação possa ser triste, tente manter sua mente e seus pés no chão. Jogue jogos de tabuleiro, faça planos e não se arrisque, vivemos em uma sociedade que a criminalidade já é alta e pagamos impostos absurdos e a grande maioria consegue apenas sobreviver. Tenha um rádio, tenha pilhas e seja um pilar para as pessoas que ama, desespero se espalha feito doença. Viva o presente, mas sempre pensando no futuro.

Patrocinado